Sergio Rico: "Uma meta e um orgulho"

Entrevistas

A poucas horas de enfrentar o Lorient pelos 16 avos de final da Copa da França, Sergio Rico, que deve ser titular no gol parisiense hoje, falou ao microfone da PSG TV

Sergio, como está sua vida aqui no clube?

“Acho que o Paris Saint-Germain é um dos melhores times do mundo e, para mim, estar aqui e poder aprender com esses grandes jogadores é uma nova aposta. É uma meta e um orgulho ao mesmo tempo. Estar aqui e poder aproveitar e compartilhar o vestiário com esses grandes jogadores é incrível. No final do dia, todo jogador de futebol quer melhorar a cada dia e continuar a crescer como atleta e como pessoa.”

/media/83446/papier-1.jpg

Você compartilha seu tempo de jogo com Keylor Navas. Como você lida com essa situação, que é nova para você?

"Esta é uma situação que, como você disse, é nova para mim, mas ainda acredito que cada jogador de futebol deve se adaptar a diferentes situações. Há um processo de aprendizado e acredito que não há nada que não seja benéfico no futebol. Você tem que aprender a cada momento, em todas as situações. E para mim, este ano é muito produtivo e estou aprendendo com grandes jogadores. Com Keylor, por exemplo, tenho a chance de treinar com ele todos os dias. É uma honra estar com todos eles.”

Nós imaginamos que vocês aprendem muito um com o outro...

“Estamos em comunicação o tempo todo, porque cada um tem pontos de vista diferentes. Talvez ele tenha qualidades diferentes das minhas e acho que sim, encontramos um equilíbrio entre as qualidades dele e as minhas. Eu acho que isso irá nos melhorar mutuamente."

/media/83447/papier-2.jpg

Como você avalia seus primeiros seis meses em Paris?

“Muito positivos. Sempre que tive a chance de jogar, me senti muito bem e também fui muito bem recebido pelos torcedores, realmente aprecio isso. Agradeço-lhes pelo apoio. Estou realmente muito feliz. Acho que até o momento, minha passagem por aqui é muito positiva e espero que continue assim.”