Paris volta a golear!

Equipe principal

No regresso ao campeonato, o Paris Saint-Germain venceu por 4 a 0 o Nîmes na noite de sexta-feira (16), no gramado do Stade des Costières

/media/188525/ext-fulltime-cr-nimes.jpg

Após duas semanas de pausa internacional, o clube da capital enfrentou o Nîmes Olympique pela 7ª rodada da Ligue 1. E foi com um time com muitas ausências que Thomas Tuchel teve que compor seus 11 titulares, garantindo as estreias dos reforços Rafinha e Moise Kean.

Desde o início, as equipes deram o tom, prometendo um duelo marcado pela intensidade. A oposição de estilos era claramente visível: enquanto a equipe de Thomas Tuchel tentava ter a bola, o Nîmes respondia com impacto atlético e um jogo mais direto. A balança de forças transformou-se com a expulsão de Loïck Landre (12'/1ºT), enquanto Leandro Paredes deixava o gramado após receber uma pancada.

Com uma grande variedade de ataques, os parisienses acentuaram seu domínio, fazendo chover as situações diante do gol do Nîmes. Kylian Mbappé aproveitou uma bela enfiada de Rafinha para driblar o goleiro e abrir o placar (0x1, 33'/1ºT).

/media/188514/papier-nimes-4-but-mbappe.jpg

Em superioridade numérica, os jogadores de Thomas Tuchel continuaram a pressionar, forçando o valente Baptiste Reynet a trabalhar diante de Alessandro Florenzi (37'/1ºT), Moise Kean (39'/1ºT), Idrissa Gueye (40'/1ºT) e Kylian Mbappé (43'/1ºT).

Apesar de uma atmosfera elétrica, os parisienses permaneceram concentrados depois do retorno dos vestiários. As linhas se alongaram com o passar do tempo e Alessandro Florenzi, hiperativo pela direita, acertou a trave (20'/2ºT) antes de ser recompensado marcando de cabeça (0x2, 32'/2ºT). Kylian Mbappé garantiu mais um ao concluir um ataque rápido (0x3, 38'/2ºT). E após cabeçada de Moise Kean no travessão (42'/2ºT), Pablo Sarabia fechou o placar com um chute cirúrgico no final da partida (0x4, 43'/2ºT).

/media/188526/stat-mbappe-fr.jpg

Apesar de um desejo implacável de aumentar o placar (nada menos do que 19 finalizações parisienses), foi com este placar de 4 a 0 que o Paris Saint-Germain finalmente venceu, juntando-se temporariamente ao Rennes na liderança do campeonato. Uma 5ª vitória consecutiva e uma preparação adequada para o próximo duelo na terça-feira, no Parc des Princes, contra o Manchester United pelo primeiro jogo europeu da temporada.