Paris e Troyes ficam no empate

Equipe principal

O Paris Saint-Germain empatou com o Troyes, no Parc des Princes, em nome da 36ª rodada da Ligue 1 (2-2)

Com um histórico 10º título da liga já conquistado, o Paris Saint-Germain tinha toda a intenção de honrar seu status para a recepção do Troyes, na penúltima partida no Parc des Princes durante esta temporada 2021-22. Mauricio Pochettino armou um time batante ofensivo, com Leo Messi, Ángel Di María e Neymar Jr. ao lado de Kylian Mbappé no ataque.

E o duelo começou a mil por hora na casa parisiense! Após o chute de Ángel Di María espalmado por Jessy Moulin, foi Marquinhos quem abriu o placar, com um passe na medida do camisa 11 argentino (1-0, 6’/1ºT). O equilíbrio de forças era agradável, frente a uma valente equipe que também procurava atacar.

Mas foi um Kylian Mbappé decididamente incansável quem voltou a aparecer, perfurando a defesa do Troyes e sofrendo uma penalidade. Na cobrança, toda a categoria de Neymar Jr. para converter e aumentar a vantagem (2-0, 25’/1ºT). Não derrotado, o Troyes conseguiu reduzir o placar logo na sequência, em um chute cruzado de Ugbo (2-1, 30’/1ºT).

O Parc prendeu a respiração quando o chute de Leo Messi bateu na trave de Jessy Moulin, antes de Neymar pegar a sobra e balançar as redes (37’/2ºT)... infelizmente em posição de impedimento.

Mas quando voltaram dos vestiários, foram os jogadores do Troyes que sorriram, aproveitando um erro defensivo para obter e depois converter uma cobrança de pênalti com Tardieu (2-2, 2’/2ºT). Uma boa dose de reforço para que os nossos campeões franceses não relaxassem os seus esforços em campo. Neymar Jr. até marcou mais um gol anulado, antes de Marco Verratti tentar a sorte (12’/2ºT).

Uma bela jogada de Mbappé, um alerta do capitão Marquinhos e outra bola de Messi no travessão não foram suficientes para tirar a igualdade do placar. Os parisienses regressarão ao Parc des Princes daqui a duas semanas, para um jogo final frente ao Metz, depois de uma última viagem a Montpellier, no próximo sábado.