Neymar Jr: "Todo parisiense deve acreditar em nós"

Entrevistas

Entre a vitória sobre o Lens e o duelo que aguarda os parisienses pelas semifinais da UEFA Champions League frente ao Manchester City, Neymar Jr. falou ao microfone da PSGTV

Como você experimentou essa difícil vitória contra o Lens?

"Sabíamos que seria um jogo difícil, mas conseguimos o que precisávamos, que era a vitória. Claro, o jogo foi complicado para nós. Grande parte da equipe estava um pouco cansada, ainda mais mentalmente do que fisicamente, e precisávamos nos recuperar o mais rápido possível para disputar este jogo. Ainda temos alguns detalhes a melhorar, é claro, mas fizemos o mais importante, conseguimos essa vitória para nos manter vivos na luta pelo título."

Você foi o jogador que mais tocou na bola (104) e o que mais sofreu faltas (7). Como você administra isso em campo?

"É um estilo de jogo que gosto de jogar, que é ter mais a bola, criar mais para ajudar a equipe com ou sem bola, driblar e se movimentar bastante. É claro que é uma maneira diferente de jogar, você tem que jogar contra os adversários e a arbitragem, mas estamos felizes com a nossa vitória e o nosso comprometimento."

Pode nos contar mais sobre o seu gol contra o Lens?

"Foi uma pressão rápida que o nosso time fez, e o Julian (Draxler) com um toque conseguiu me colocar na frente do gol, e eu tive a calma e a tranquilidade de ver o goleiro sair e escolher o canto na hora para marcar."

Um grande jogo o aguarda frente ao Manchester City na terça-feira. Como mudar o foco rapidamente para outra competição?

"A primeira coisa agora é descansar, e depois voltar toda a concentração para a Champions League. Temos um jogo muito difícil contra o Manchester City, mas temos que acreditar. Eu acho que todo parisiense deve acreditar em nós! Sou o primeiro que vai dar a cara, sou o primeiro guerreiro que vai em busca dessa guerra. Vou dar o meu melhor e me dedicar para trazer de volta essa vitória de qualquer maneira, mesmo se precisar morrer em campo."