Abdou Diallo: "Um sonho que se torna realidade"

Entrevistas

Novo defensor do Paris Saint-Germain, Abdou Diallo falou ao microfone da PSG TV sobre sua alegria de se juntar aos Rouge et Bleu

Abdou, você é agora um jogador do Paris Saint-Germain. Qual o seu primeiro sentimento?

"Sinto muita felicidade e alívio, porque esses períodos de transferência são sempre um pouco estressantes. Mas tudo aconteceu muito rapidamente. Consegui conversar com todos no clube e rapidamente chegamos a um acordo. Depois, fiz a visita médica, as viagens... Escolhi o Paris Saint-Germain porque chego a um período da minha carreira em que quero ganhar muitos títulos. É um projeto ambicioso que também faz parte do meu DNA. Era o momento perfeito para assinar aqui e as estrelas se alinharam para que isso acontecesse. Era simplesmente um sonho para mim e que se torna realidade. Agora, é hora de trabalhar!"

O que você trará a esta equipe?

"Primeiro, toda a minha vontade! Acho que isso é essencial. Você tem que querer mergulhar em um projeto, se integrar a um grupo e dar o máximo ao clube. Isso é o mais importante. Depois, gostaria de trazer minha pequena experiência para a equipe. Embora seja muito jovem, já atuei em vários clubes, vários campeonatos e diferentes países. Eu costumo me encaixar em um grupo com bastante facilidade, por isso não deverá ser um problema. Também aprenderei muito. O Paris Saint-Germain me somará bastante."

Como você se sente por poder atuar ao lado de alguns dos maiores jogadores do mundo?

"É muito bom! Todos nós aspiramos atuar com os melhores, é claro, e é estando com eles que progredimos. Aqueles que atuam na minha posição são jogadores com muita experiência, campeões. Aprenderei com eles e isso me beneficiará."

Você é um defensor bastante versátil, descreva-nos o seu estilo de jogo...

"Sou um defensor que ama duelos e contato, mas também gosto da saída de bola. Sou um canhoto que se adapta aos desejos do treinador, posso atuar em várias posições. Mas continuo a ser um zagueiro de alma. Não tenho nenhum problema ao atuar em outras funções, então tentarei trazer um máximo para o grupo. Quando o treinador pedir meus serviços, deverei marcar presença."