50 jogos lendários: Paris goleia por 8x2

Equipe principal

Como parte do 50º aniversário do clube da capital, o PSG.FR convida você a reviver alguns dos jogos mais significativos da história do Paris Saint-Germain. Hoje, voltamos à temporada 1976-1977, quando o Paris marcou oito gols contra o Troyes

Quinze dias após um fraco desempenho contra o Nice no Parc des Princes e uma derrota por 0 a 3, o Paris Saint-Germain voltou à sua casa para se recuperar diante de seus torcedores. Contra o Troyes de René Cédolin, os Rouge et Bleu se prepararam para realizar um verdadeiro festival ofensivo, diante de 9.380 espectadores.

Logo aos oito minutos, o jogo já estava decidido... O zagueiro Ramon Heredia está na origem da abertura do placar, dando passe decisivo para Carlos Bianchi, apesar do goleiro Jean-Luc Arblay tocar a bola, sem impedir que ela entrasse (1x0, 5'/1ºT). Três minutos depois, Jean-Marc Pilorget recupera uma bola no centro do campo, arranca e chuta da entrada da área no ângulo (2x0, 8'/1ºT). O zagueiro parisiense, futuro recordista de jogos disputados (435 partidas oficiais) marcava seu primeiro gol pelo Paris Saint-Germain.

/media/131854/troyes-2.jpg

François M’Pelé participa da festa batendo em ângulo fechado, com a bola ricocheteando nas duas traves antes de finalmente entrar (3x0, 23'/1ºT). O Troyes reduziu o placar (3x1, 35'/1ºT) com Robert Jacques (que assinou com o Paris oito anos depois), mas o clube da capital decolou pouco antes do intervalo, com um passe de Mustapha Dahleb e um voleio de Carlos Bianchi (4x1, 41'/1ºT).

O segundo tempo começou no mesmo ritmo, com Eric Renaut aproveitando uma cobrança de falta de Mustapha Dahleb para marcar o quinto gol parisiense (5x1, 4'/2ºT). Se Cheick Diallo reduziu o placar para o Troyes de pênalti (5x2, 18'/2ºT), os impulsos ofensivos do Paris não pararam. François M'Pelé aproveitou o cruzamento de Bianchi para marcar seu segundo gol (6x2, 20'/2ºT), antes do atacante argentino marca mais dois gols após as assistências de Philippe Redon (7x2, 29'/2ºT) e François M'Pelé (8x2, 32'/2ºT).

Um festival de Carlos Bianchi, autor de quatro gols. Algo inédito para um jogador parisiense no campeonato, assim como o placar final. O técnico do Paris Saint-Germain, Jean-Michel Larqué, mal pôde acreditar no espetáculo que acabava de assistir e descreveu esta noite como inesquecível.

/media/131855/troyes-3.jpg

Carlos Bianchi, por sua vez, não ficou ressentido com o público do Parc, que não o poupou após o fraco desempenho contra o Nice: "Não foi agradável ser vaiado, porque isso não o encoraja a jogar melhor. Mas você tem que ser paciente, aceitar e dizer a si mesmo que um dia ou outro teremos nossa vingança. E este dia chegou".

Ironicamente, o Paris bateu este recorde de gols marcados na Ligue 1 em 13 de março de 2016, marcando nove vezes contra o... Troyes (placar final de 9x0).

PARIS SAINT-GERMAIN 8x2 TROYES
Division 1 - 12ª rodada 
14 de outubro de 1977 - Parc des Princes (Paris)
Árbitro: Bacou
Gols: Bianchi (5'/1ºT, 41'/1ºT, 29'/2ºT e 32'/2ºT), Pilorget (8'/1ºT), M’Pelé (23'/1ºT, 20'/2ºT) e Renaut (4'/2ºT) para o Paris; Jacques (35'/1ºT) e Diallo (18'/2ºT) para o Troyes
PARIS SAINT-GERMAIN: Bensoussan – Lokoli, Morin, Pilorget, Heredia – Renaut (Adams, 22'/2ºT), F.Brisson, Dahleb (Justier, 22'/2ºT) – Bianchi, M’Pelé, Redon. Treinador: J.M. Larqué.
TROYES: Arblay – Jacques, Le lamer, Mahut, Zorzetto – Sanchez, Verstraete, Vendrely, Diallo (Raulin, 25'/2ºT) – Fuchs (Borne, 25'/2ºT), Tota. Treinador: R. Cedolin.