"Somos todos juntos que sairemos desse momento ruim"

Clube

Romain, presidente do PSG Fã-Clube Cingapura, fala sobre o impacto da crise sanitária do COVID-19 em sua vida cotidiana

Mais de dois meses se passaram desde o início da crise sanitária do COVID-19 e para os torcedores do Paris Saint-Germain, a saudade  está se tornando cada vez maior. Romain, o presidente do Fã-Clube de Cingapura, nos descreve sua nova vida cotidiana: “Estamos em uma situação de semiconfinamento, podemos sair para praticar esportes ou corridas. Mas o restante dos negócios continua fechado. Minha vida mudou desde o início deste confinamento. Estou trabalhando em casa há um mês e meio. Não temos permissão para ver pessoas fora de nossa casa. Por isso, foi bastante difícil se acostumar com essa nova vida".

Apesar dessa situação, a comunicação não foi interrompida entre os membros do fã-clube, pelo contrário: "Mantemos contato com o fã-clube através de nossos grupos no WhatsApp, onde conversamos regularmente sobre notícias esportivas e o Paris Saint Germain. Com os membros importantes do fã-clube, estamos tentando ver o que poderemos organizar e colocar em prática após esse período difícil".

/media/157227/thumbnail_image2.jpg

Romain continua a acompanhar as últimas notícias do seu clube do coração e saborear o novo título de campeão francês dedicado aos profissionais da saúde. Esportivamente, ainda resta uma grande aventura na Liga dos Campeões, na qual o clube da capital tem todas as chances, segundo ele. "Estou orgulhoso pelo clube ter conquistado este título, apesar do final da temporada. Dedicá-lo aos profissionais de saúde é uma excelente iniciativa do clube. É uma maneira de homenagear os heróis do cotidiano. E então temos a Liga dos Campeões, que faz todos os torcedores parisienses sonharem. Assistimos aos jogos contra o Dortmund com o fã-clube em um bar. Havia uma boa multidão e o jogo de volta foi experimentado como uma libertação. Temos uma equipe que pode competir com as maiores e esperamos continuar nessa competição, que é muito importante para nós.”

/media/157238/thumbnail_thumbnail_image0.jpg

Diante dessa crise, Roman desejou transmitir uma mensagem final: "Agradeço a todos os profissionais de saúde pelo o que vêm fazendo desde o início dessa crise sanitária. Obrigado ao Paris Saint-Germain por suas doações e iniciativas. Somos uma família de verdade, e será apenas juntos que sairemos dessa situação ruim".