"Nenhuma outra escolha"

Clube

Presidente do PSG Fan club Helsinki, Mikko compartilha sua vida cotidiana com o PSG.FR desde o início da crise sanitária

Atingida mais tarde pela crise de saúde ligada à disseminação do Covid-19, a Finlândia entrou em estado de emergência nesta semana. "As escolas estão fechadas, todo mundo tem que ficar em casa, as ruas estão vazias... é realmente uma sensação estranha", diz Mikko. "Há uma semana, estávamos juntos para acompanhar a partida entre Paris e Dortmund, e hoje estamos todos confinados."

Uma mudança de situação que preocupa, é claro, e exige cautela: "O mais preocupante é, sem dúvida, o fato de que ainda existem incertezas quanto à duração do confinamento. É algo estranho de se experimentar, mas não temos escolha a não ser respeitá-lo, a fim de combater a propagação."

Mikko havia reservado um hotel para assistir a um jogo no Parc des Princes até o final da temporada, e então seus planos tiveram que ser revistos, mas não virados de cabeça para baixo: "Tudo foi reservado, mas, é claro, não poderemos ir quando quisermos. Vamos esperar para ver o que acontecerá. De qualquer forma, a prioridade é sair dessa crise."