Um Paris sem piedade

Com brilhantismo, o Paris superou o Rennes (6x1) pela fase de 32 avos de final da Copa da França graças a dois gols de Neymar, Mbappé e Di María, começando 2018 de forma irretocável
Um Paris sem piedade

O JOGO: UMA DEMONSTRAÇÃO DE FORÇA

O Paris Saint-Germain iniciou o novo ano com uma infinidade de promessas! A pausa para as festas fez muito bem para o corpo e a mente de todos, já que vimos uma equipe repleta de vontade e gás desde o início do duelo no Roazhon Park. Mbappé começou com tudo, abrindo o placar de canhota (0x1, 9’/1ºT), 120 segundos depois de perder um gol por centímetros (7’/1ºT)! Mestres nos pequenos espaços, os parisienses nos agraciaram com um festival na área adversária. Di María, Rabiot e Verratti: a triangulação foi perfeita, até o italiano achar Neymar Jr., que driblou com o corpo o seu marcador e bateu na saída de Diallo (0x2, 17’/1ºT)! Como na L1 há 22 dias, o Paris abria dois gols de vantagem após 17 minutos.

Um Paris sem piedade

Neymar Jr., sempre ele, acertou o travessão (21’/1ºT), antes de iniciar mais uma jogada ofensiva. Com um toque apenas, o brasileiro encontrou Berchiche, que cruzou para Di María finalizar (0x3, 23’/1ºT)! E o Paris queria ainda mais, só que o goleiro Diallo se mostrou bastante inspirado diante de Neymar (25’, 33’ e 36’/1ºT) e Mbappé (30’/1ºT). Mas os Rouge et Bleu estavam com tudo, e em jogada coletiva primorosa, Mbappé deixou para Ney completar o golaço da noite (0x4, 44’/1ºT). Após o intervalo, Bourigeaud diminuiu em cobrança de pênalti para os donos da casa (1x4, 21’/2ºT), enquanto Neymar Jr. parava novamente na trave (24’/2ºT). Só que o show não parou por aí! Em dois minutos, Mbappé rolou a bola para Di María complementar com muto sangue frio (1x5, 29’/2ºT), enquanto na saída de bola seguinte, o argentino fez o papel de garçom para o jovem francês concluir para a rede (1x6, 31’/2ºT)! Três atacantes, dois gols para cada e seis ao total: sim, 2018 parece ser realmente promissor!

Um Paris sem piedade

A IMAGEM: NEY EM SEU QUINTAL

Esta noite, o brasileiro mais fantástico do planeta mostrou todo o seu talento à região francesa da Bretanha. Majestoso individualmente e coletivamente, "Ney" pontuou a partida com mais dois gols na conta diante do Rennes. Ao total, o camisa 10 já balançou a rede 19 vezes com a camisa Rouge et Bleu – e isso sem contar que ele acertou a trave duas vezes esta noite. Simplesmente fantástico!

Um Paris sem piedade

AS LIÇÕES

Para iniciar esta semana 100% fora de casa (serão três jogos como visitante), o Paris mostrou novamente serenidade e poder de fogo. Agora, a equipe de Emery duelará com o Amiens na quarta-feira, pela Copa da Liga, buscando sua 35ª vitória consecutiva em copas nacionais!