Cover-Club-Identity
ville-lumiere

P-A-R-I-S.

Cinco letras cujo eco ressoa ao redor do mundo. Historicamente inclassificável, culturalmente única, a Cidade da Luz também brilha no cenário esportivo. Com uma bandeira, tingida de vermelho e azul.

Desde 1970, a magia parisiense opera continuamente a oeste da capital, no Parc des Princes. Em poucas décadas, o Paris Saint-Germain tornou-se com grande velocidade uma referência no cenário esportivo francês. Ao curso de seus primeiros 41 anos de uma existência florescente, o clube orgulhosamente "Made in Paris" já conquistou 17 troféus nacionais, e até mesmo um título europeu em 1996.

Referência ao redor do mundo, a instituição conseguiu um casamento exponencial em 2011, com o Qatar Sports Investments. Uma nova era começava, e ela veio acompanhada de um enorme sucesso.

PARIS SAINT-GERMAIN

Os fatos não mentem: desde então, Paris imprimiu seu status de cidade do mundo em todos os campos. E se elegância e respeito também estão gravados no DNA da megalópole, estes atributos agora transpiram em seus embaixadores, vestidos de vermelho e azul. Uma particularidade que agora se aplica no plural, em três áreas.

PARIS SAINT-GERMAIN

Futebol masculino, feminino e handebol: o escudo do clube serve de motor para um projeto gigantesco.

inter-titre

Na era da globalização, Paris Saint-Germain v2.0 procura ser multidisciplinar e interdisciplinar para intensificar seu impacto. É único na França: um emblema de clube que foi moldado em uma marca global, impulsionada por VIPs (Parisienses muito importantes) como Beckham, Shirley Cruz e Karabatic. A aposta foi paga de uma forma sem precedentes.

O clube da Capital, com um crescente perfil internacional, navegou nesta onda para capitalizar. A missão era clara - ganhar títulos - e a sala de troféus comprova o sucesso. Em maio de 2017, o time masculino reivindicou seu 15º título no espaço de seis anos! Os 'intocáveis' de Paris - Thiago Silva, Maxwell e Pastore - levaram Paris ao topo da lista dos clubes mais bem sucedidos da França.

Há 6 anos...

Em 2015-2016, o "Dream Team" parisiense conquistou um segundo "quadruple" nacional consecutivo - uma performance nunca antes vista entre as cinco principais ligas da Europa. E as preocupações europeias estavam no topo da lista de prioridades do clube, o troféu da Liga dos Campeões - o Santo Graal para todos os parisienses - o principal alvo para quem usa a camisa vermelha e azul de Paris.

Essa sede de títulos é reafirmada em todos os momentos e em todos os ramos do Clube. A equipe feminina chegou perto de realizar seu sonho europeu em duas ocasiões, chegando à final da Liga dos Campeões em 2015 e 2017. Na quadra, com sete contra sete, é uma história semelhante: Paris Saint-Germain Handball, reis do cenário nacional , querem duplicar sua dominação nas mais prestigiadas competições.

Há 6 anos...

Os "especialistas" do Paris Saint-Germain sabem o que precisa ser feito: eles têm que chegar a Colônia - o lar espiritual do esporte - onde o Final4 da Liga dos Campeões da Velux EHF determina o campeão da temporada. Agora que eles estão familiarizados com os arredores, eles estarão mirando colocar as cores de Paris em alta na próxima temporada.

Há 6 anos...

Sim, este é Paris: grandes campeões no campo, empurrados por uma paixão sempre ardente. E os números apoiam: o fenômeno está crescendo em popularidade, em primeiro lugar nas arquibancadas, onde o Parc des Princes possui mais de 30.000 sócios de temporada por ano.

Além de seus fieis fãs, a arena parisiense possui uma taxa de presença de 96% - simplesmente uma referência. Online, Paris Saint-Germain também está em um grande momento, com dezenas de milhões de fãs (42 milhões em junho de 2017, por exemplo), conquistando um lugar entre as dez maiores franquias esportivas do mundo. Com 95% dos leitores dos sites do clube provenientes de comunidades fora da França (antes do início da temporada 2017-2018), Paris se mudou para um patamar global com uma presença mundial.

Na primavera de 2017, a KPMG e a Brand Finance avaliaram a empresa e a marca na margem milionária de um bilhão de dólares, mostrando que, além do volume de negócios e receita de tendência ascendente, uma forte dinâmica foi adotada a longo prazo.

Identidade Pt3

Esta avaliação estava intimamente ligada ao know-how do clube, especialmente em termos de formação de jovens. O Clube sempre procura integrar seus jovens talentos na equipe principal, como Mamadou Sakho no passado e Adrien Rabiot, no presente, sendo exemplos perfeitos. Sem dúvida, novas estrelas surgirão da base do clube, que está fortemente envolvida na região parisiense, consciente do seu papel em termos de progresso social.

Identidade Pt3

No coração da família Paris Saint-Germain, a Fundação é a encarnação desta vocação social consciente, buscando esse objetivo através de suas atividades esportivas e pedagógicas. Presidido por Nasser Al-Khelaifi, a Fundação viu seu orçamento triplicar e seu programa ajuda mais de 10 mil crianças por ano. A sua última iniciativa: a primeira Escola Rouge et Bleu, no XIX, oferece um currículo educacional inovador destinado a orientar crianças entre sete e 11 anos de idade para o sucesso.

Paris: um clube responsável e engajado a se dedicar a ajudar crianças a encontrarem seu sucesso e superar obstáculos. Parisiense de nascimento ou por escolha; Francês ou estrangeiro; do leste ao oeste; uma única característica nos liga: a paixão. Um sentimento que bate forte em nossos corações 365 dias por ano.